Migração do Messenger para o Skype vira isca para golpes

O fim do Messenger, programa de mensagens da Microsoft, está sendo usado como isca pelos cibercriminosos na tentativa de infectar usuários de internet. O popular serviço de mensagens da Microsoft começará a ser migrado em 8 de abril para o Skype, processo que termina com usuários brasileiros a partir do dia 30 de abril.

Os criminosos começaram a registrar domínios falso e comprar links patrocinados do Google para aparecerem no topo dos resultados de busca, oferecendo um instalador falso do programa, identificou a fabricante de antivírus Kaspersky. Um dos links maliciosos tenta instalar um trojan bancário.

Outro golpe que se faz passar por um instalador legítimo do Messenger instala um software que faz modificações no sistema da vítima e tenta remover todos os programas de antivírus da máquina, técnica antiga e usada em trojans bancários brasileiros desde 2007.

 

Fonte: Portal Terra